sábado, 30 de novembro de 2013

As marmitas fashion e o câncer, Cristiane Segatto. Artigo de Kit de Sobrevivência




Uma vez uma leitora escreveu para falar da tristeza que sentia em relação à alimentação dos sobrinhos, um menino e uma menina na faixa dos 10 anos. A leitora se mudou de Goiânia para os Estados Unidos para cuidar das crianças, nascidas lá, enquanto a irmã dela completava os estudos numa universidade.  
A tia cozinhava para os garotos com entusiasmo, mas nada os agradava. A desilusão foi maior quando ela percebeu que o problema não eram as receitas brasileiras e sim um conceito cristalizado. 

As crianças se recusavam a comer qualquer coisa que saísse de uma panela. Não comiam nada que não saísse pronto de uma embalagem. 
Batatas, lasanha, hambúrgueres... Tudo congelado e encaixotado. Nuggets, pipoca de micro-ondas, refrigerantes, sucos (só de caixinha, é claro) eram muito bem-vindos. 

Qualquer ingrediente fresco era excluído sem negociação.
As crianças recusavam a comida feita em casa com o argumento de que era  fora de moda. A moda, o estilo de vida, o comportamento de massa são poderosos. Podem ditar as condições de saúde de populações inteiras...

A matéria completa está no link abaixo, no site da revista Época :

.

sexta-feira, 29 de novembro de 2013

Em qual regime.... (humor)







.

quinta-feira, 28 de novembro de 2013

Dia de Ação de Graças - a dieta pretendida e a dieta real.


O que eu pretendia 
comer no 
Dia de Ação de Graças.




O que comerei - realmente -
no 
Dia de Ação de Graças.



quarta-feira, 27 de novembro de 2013

G.K. Chesterton









"Contos de Fadas
não dizem às crianças 
que dragões existem.

Elas já sabem
que dragões existem.

Contos de Fadas
dizem às crianças
que dragões 
podem ser mortos."

G. K. Chesterton

.

terça-feira, 26 de novembro de 2013

John A. Shedo






.

segunda-feira, 25 de novembro de 2013

EUA : uma das piores medicinas do mundo.





EUA :
maior gasto com saúde do mundo.

Quase todos os países 
"civilizados" têm expectativa
de vida maior que os EUA.

O Chile tem a mesma expectativa
de vida dos EUA e
gasta 5 vezes menos dinheiro.

O dinheiro da saúde americano
é todo gasto em
remédios com preço sem controle,
suporte de vida totalmente
fútil, pois os pacientes já estão
clinicamente mortos,
e custo astronômico de
seguros médicos e atos
médicos.

De forma diferente de Cuba,
mas com uma mesma conclusão :
a fantasia que EUA e Cuba
têm boas medicinas
é exatamente isto:
uma fantasia.


.

domingo, 24 de novembro de 2013

O fim do spam : Bill Gates prometeu e não cumpriu. Eu cumpro !







Em 2004 Míster Gates
disse que Spam (emails indesejados)
eram bobagem e que em 2 anos
não existiriam mais.

Foi mais uma lorota do
homem mais rico do mundo.

Não a pior delas.
A pior foi a piada que o
enriqueceu: o Windows,
um sistema operacional
mal feito e que já causou
dor de cabeça e derrames
em milhões de pessoas,
por sua má qualidade.

A indústria tecnológica tem
interesse ZERO pelo que 
não renda dinheiro.
Combater spam não 
rende dinheiro e,
9 anos depois,
continuo recebendo 
600 spams por dia.

Achei a solução,
que dou de graça.

Emails não entram mais
em minha caixa do computador.
Vou lê-los nos sites
dos provedores.
Lá coloco em ordem
alfabética e em exatos
30 segundos deleto os 200
que me chegam cada vez do dia
que entro na internet.

É fácil perfilar os 20 emails que Wallmart
e Netshoes mandam a cada dia,
e apagá-los de uma sacada.

Só leio 1 de cada 100 emails
que me chegam.

Se todo mundo fizesse isto durante
30 dias, o spam acabava.
Ninguém estaria lendo e
ninguém estaria pagando,
por menos que fosse,
para mandá-los.

Obrigado
pela indicação ao
Prêmio Nobel da Paz.

ah ah ah !!!

.

sábado, 23 de novembro de 2013

Previdência Privada no Brasil : um conto de fadas




Previdência Privada deveria ser 
matéria de currículo escolar.

Qualquer pessoa que pretenda chegar à
velhice, tem que se planejar financeiramente.

Mais ainda no Brasil onde o INSS,
a Previdência Oficial, tem traços
de pirâmide financeira 
(só os primeiros lucram;
pague sobre 10 salários e 
só receba sobre 3, que logo
se transformarão em 1, etc.)
e inovou com ítens que
nenhuma pirâmide financeira
ousaria, como incorporar ao
sistema milhões de pessoas
que nunca colocaram 1 centavo 
dentro dele e políticos com
poucos anos de contribuição
recebendo o mesmo que pessoas
que pagaram 35 anos.

Uma longa história.

A repórter Rosa Falcão fez artigo 
no Diário de Pernambuco,
com simulação sobre
previdências.

Uma pessoa que contribuir com
831,80 reais para o INSS,
durante 30 anos, terá uma pensão 
vitalícia de 4.159 reais.

Na Privada (nome adequado
e com dupla conotação proposital)
com os mesmos valores,
sua renda se transforma em
míseros 1.789 reais.
Menos da metade da outra.

Considerando que nos 35 anos de
contribuição quase a totalidade
dos bancos deixou de existir,
passamos por diversos planos 
econômicos,etc,
planejar futuro financeiro
no Brasil é um conto de fadas.

Quem construiu casa para alugar,
ou investimento semelhante,
talvez tenha tido o melhor
bom senso.

.

sexta-feira, 22 de novembro de 2013

Pierre Verger por Carybé





"No ano de 1946,
vindo de todos os caminhos
e encruzilhadas do mundo,
Chegou à Bahi um exu dos melhores.

Chegou com seus olhos cor de mormaço
Cheios de perguntas,
um baú delata 
e uma rolleiflex
pendurada no pescoço.

Naquele tempo era francês
e não sabia do encantamento
que o prenderia à Roma Negra de Bastide.

Foi se deixando impregnar 
pela graça e
pela força da Bahia
até que,
por poderes da Mãe Senhora,
transformou-se em Oju Obá."

Carybé

.

quinta-feira, 21 de novembro de 2013

Laura Liuzzi, VONTADE






"Entrar em casa sem que a porta
rangesse, sem que o cachorro
da vizinha farejasse minha vinda
sem que o sofá conservasse as
formas do meu corpo, sem que
eu precisasse tomar aquele copo
de água que toca o azulejo e emite
um som rouco, sem que houvesse
corpo.

Entrar em casa como
a música entra nos ouvidos. "

Laura Liuzzi,

copiado da Revista Piauí


.

quarta-feira, 20 de novembro de 2013

A gula voraz do PT gaúcho foi a origem do Mensalão




A história está recontada na coluna de
Sebastião Nery de hoje.

Em 2003, eleito presidente,
Lula fez um acordo com o PMDB
para apoio ao seu governo.

Temeroso do que aconteceu
com Collor, de se tornar
ingovernável pela falta do tal
"apoio parlamentar".

Entregaria 3 ministérios ao PMDB.

Dirceu foi a Porto Alegre
e lá ouviu que o PT gaúcho não
dispensaria os ministérios de Minas e Energia,
Justiça e das Cidades.

Lula cancelou o acordo com o PMDB,
entregou os 3 ministérios a Dilma, 
Tarso Genro e Olívio Dutra
e disse a mais célebre frase
a Dirceu :
"Compra os partidos pequenos,
que fica mais barato."

.


terça-feira, 19 de novembro de 2013

Madre Teresa





Tradução livre :

"Às vezes sentimos que o
que estamos fazendo é
apenas uma gota no oceano.

Mas, o oceano seria menor
se faltasse a nossa gota."

Madre Teresa

segunda-feira, 18 de novembro de 2013

Talmude





"Deus criou o homem
depois de ter criado os vermes.

Para que o homem saiba
que ele é mais 
importante do
que qualquer verme.

Mas também para que 
ele seja humilde para
saber que
Deus amou
os vermes primeiros."


Talmude,
livro sagrado judaico.

.

domingo, 17 de novembro de 2013

Manoel Messias Gomes, in memoriam








" Da urna da Piedade,
sempre larga,
por ele derramarão
lágrimas alheias.

Os proscritos serão as carpideiras
e os proscritos sempre choram."

Robert Ross,
amigo de Oscar Wilde.
A frase está gravada no
túmulo do escritor,
no Cemitério do Père-Lachaise,
em Paris.


sábado, 16 de novembro de 2013

Jeff Bezos…e nossas escolhas.









"Quando você tiver 80 anos,
e, num calmo momento
de reflexão,
narrando prá si próprio
a versão mais pessoal
da história da sua vida,
o discurso que será
mais compacto e significativo
dirá da série de escolhas
que você fez.

No fim de tudo,
nós somos nossas escolhas."

Jeff Bezos,
dono da Amazon.com,
numa palestra em Princeton,
em 2010.


.

sexta-feira, 15 de novembro de 2013

Proust, 100 anos de Em busca do Tempo Perdido





"Um odor,
um sabor, 
reencontrados em circunstâncias diferentes,
revelam em nós,
à despeito de nós mesmos,
o passado;

nós sentimos 
o quanto esse passado
era diferente daquilo que
acreditávamos 
nos recordar, 
e que, nossa memória
voluntária pintava,
como os maus pintores,
com cores sem verdade.

As memórias involuntárias
nos relembram as coisas
numa dosagem exata entre
a memória e o 
esquecimento."

Marcel Proust,
que ontem fez 100 anos do 
lançamento do melhor livro
já escrito na terra :
Em busca do tempo perdido.

.

quinta-feira, 14 de novembro de 2013

Proust : 100 anos hoje de Em busca do tempo perdido





100 anos hoje que chegava
às livrarias de Paris,
em edição paga pelo
próprio autor,
já que nenhum editor
se interessara,
o livro 
NO CAMINHO DE SWANN,
a primeira das 7 partes do
romance
EM BUSCA DO TEMPO PERDIDO.

Simplesmente 
o melhor livro não religioso
já escrito
e que,
dificilmente,
será superado.

Como Leonardo da Vinci,
Michelangelo,
Wagner,
etc,
Proust
chegou no Olimpo da Humanidade….
e ficou.

.

quarta-feira, 13 de novembro de 2013

Manoel Messias Gomes, um fantástico artista popular de Pesqueira, é encontrado morto em sua casa.





Foi encontrado na sua casa, 
na manhã desta quarta-feira,
o corpo de
MANOEL MESSIAS GOMES,
um fantástico artista popular
de Pesqueira,
cheio de energia, alegria
e planos para viver a
Cultura Popular.

As circunstâncias da morte
ainda estão em estudo pela polícia
para definir uma morte natural,
um crime ou um suicídio.

O professor de dança 
estava há 5 anos em tratamento
no Hospital Altino Ventura,
em Recife,
com uma retinite que lhe
tirara quase toda a visão.

Problemas familiares
também afetavam Messias.

Durante muitos anos fui amigo
próximo dele,
com sua conversa sempre
cheia de graça e humor.

Nos últimos tempos só o vi
em consulta na Policlínica.

A velhice de ambos
nos separou um bocado.
Também os horários dele.
Quando, anos atrás ele disse
que vinha conversar aqui em casa,
mas que só saía de casa depois
de 10 da noite,
eu disse a ele que nesta hora
eu já estava no terceiro sono.

Deixo um registro da minha perda pessoal
e da cidade de Pesqueira desta pessoa
que dedicou a vida às escolas de samba,
à dança popular,
aos folguedos juninos.

Triste à beça !!!

.

terça-feira, 12 de novembro de 2013

Oxente.net e Oi.Velox : Meu Apagão tecnológico de 3 dias.



Vivi apagão tecnológico de 3 dias.

Três provedores
de internet desmaiados.
Telefone fixo mundo.

Sentir na pele o quanto empresas
como OXENTE.NET e OI.VELOX, 
que se pretendem de vanguarda,
estão a poucos passos
da Idade da Pedra
quando se trata de
atendimento a clientes
e resolução de problemas.

Consumidores brasileiros
são tratados à patadas.

E é pena que não temos opções
para dizer adeus
a certas empresas trogloditas.

.





segunda-feira, 11 de novembro de 2013

SAMU… sem o U ( de urgência )





Está na edição impressa deste sábado,
09.11.2013,
do Jornal do Commercio.

Uma pessoa foi agredida em uma
das áreas mais nobres, ricas e 
centrais de Recife
(tanto em população como em renda),
o Parque Dona Lindu,
em Boa Viagem.

O Samu foi chamado e chegou…
2 horas depois.

O brasileiro não tem idéia dos custos
das coisas do governo e nem que
é ele próprio - o povo - que vai
pagar as contas no futuro.

O SAMU, como o Maus Médicos,
são fantasias marqueteiras e
ideológicas.

Por um custo astronômico se instalam
em cidades do porte de Alagoinha,
o que aconteceu há poucos dias…
para não fazer nada.

O dinheiro gasto do Samu de
Alagoinha daria para melhorar
o atendimento do hospital de lá.

Cidades grandes precisam
de unidades autônomas de
atendimento.

De médio porte para baixo,
o hospital da cidade,
manda uma ambulância
de prontidão para onde for
necessário.
É assim no mundo inteiro.

Os pobres deliram.
Como foram desprezados
e esbofeteados pelos governos
a vida inteira,
se acham na antesala do paraíso
quando o Samu pára na porta
com todo o seu teatro
e vai ver sua pressão.

Coitados… não sabem
que irão pagar no futuro
com o suor do rosto tanto
desperdício de dinheiro de
um país pobre.

Mas o Brasil é mesmo um país
da compartimentação.

A nobre justiça dá o maior exemplo.
Sempre ela.
Em vez de ter uma justiça que funcione,
se abre uma Delegacia da Mulher,
da Infância e, daqui a pouco,
dos negros, dos magros,
dos gagos, dos índios, etc.


Tudo uma grande fantasia,
como de resto é a
política do Brasil inteiro.

.



domingo, 10 de novembro de 2013

Sociólogo Chico de Oliveira completa 80 anos e não poupa ninguém.









Sociólogo Chico de Oliveira 
completa 80 anos 
e não poupa ninguém : 

1. Dilma é um personagem trágico 
que deu uma resposta idiota 
às manifestações de junho.  

2. Lula está fazendo um trabalho sujo 
de apaziguador das tensões sociais.  

3. Marina Silva é uma freira trotiskista 
adepta de uma ambientalismo demodé.  

4. A sociedade brasileira é muito complexa.
O brutal senhor de escravos
era, ao mesmo tempo,
compadre dos escravos.
A sociedade brasileira nunca teve
uma revolução violenta.
Um conformismo que só explode
na violência privada,
nas facadas e tiros domésticos.

5. O estado brasileiro só sabe resolver
 a questão indígena 
absorvendo e descaracterizando. 
Os irmãos Vilas Boas eram ótimas pessoas 
mas tinham uma visão errada. 

A SOLUÇÃO É DIVIDIR O BRASIL 
E CRIAR UM PAÍS INDÍGENA 
e deixá-los resolver seus próprios problemas.

Link da entrevista completa :

http://www1.folha.uol.com.br/poder/2013/11/1368697-assustarem-os-donos-do-poder-e-isso-foi-otimo-diz-o-sociologo-chico-de-oliveira.shtml

.

sábado, 9 de novembro de 2013

e.e.cummings









"É necessário coragem,

para crescer

e tornar-se

quem você é

realmente . "

e.e. cummings


.

sexta-feira, 8 de novembro de 2013

"Ô" helicóptero : da Ideli ? ou do Samu ?






Mais de 500 anos que 
os políticos brasileiros 
confundem o público e o privado.

Os governos do PT elevaram 
esta situação ao "estado de arte".

Fácil entender, 
considerando que somos descendentes 
dos degredados criminosos de Portugal 
e dos africanos mais brutos 
que conseguissem chegar vivos depois 
de atravessar o Oceano para trabalhar nas lavouras.

O único helicóptero da Polícia Federal 
que serve para emergências do SAMU,
em Santa Catarina,
 nos dias que a Ministra Ideli 
vai fazer as inaugurações 
da sua candidatura ao Senado, 
deixa de atender dezenas de acidentes 
para se transformar no táxi da ministra.

quinta-feira, 7 de novembro de 2013

Gastos sociais do governo têm estouro de 20 bilhões. Artigo na folha com link abaixo:



Sempre imaginei que, 
à exceção de uma situação de catástrofe, 
seria impossível o Brasil ter uma
 equipe de governo 
tão ruim como na Gestão Collor. 
Não penso mais. 

O governo Dilma vai entrar 
para a história como a pior. 
Pessoas como Mantega, 
que ainda não acertou uma previsão; 
Padilha com sua máquina de
 propaganda pessoal 
e total desrespeito pelas leis do país; 
Mercadante e seus conselhos 
esdrúxulos para atitudes da Presidente. 

Sinto muito 
Zélia Cardoso de Mello, 
perdestes o título da pior da História.

O artigo de Gustavo Patu:

Não são apenas receitas abaixo do esperado que derrubam as contas do Tesouro Nacional neste ano: a área econômica também cometeu erros de proporções inéditas nas projeções de despesas.
Na área social em particular, os programas de Previdência e amparo aos trabalhadores tiveram seus gastos subestimados em mais de R$ 20 bilhões -ou quase um ano de Bolsa Família.
Tais benefícios têm pagamento obrigatório e montantes estimados no Orçamento. As estimativas oficiais, atualizadas a cada bimestre, ainda estão longe dos resultados observados no ano.
Contava-se, na lei orçamentária, com uma expressiva redução do deficit da Previdência. O buraco, que precisa ser coberto pelo Tesouro, cairia dos R$ 40,8 bilhões de 2012 para R$ 33,2 bilhões.
A previsão alimentou a tese oficial de que as três principais despesas federais estariam em queda, repetida até o mês passado pela presidente Dilma Rousseff (as outras são os juros da dívida e a folha de pessoal).
O deficit previdenciário, porém, está em alta desde o início do ano, e os pagamentos de aposentadorias, pensões e auxílios têm crescido acima das expectativas.
Só até setembro, faltaram R$ 47,6 bilhões no caixa do INSS, um aumento de espantosos 21,5% sobre o resultado do mesmo período em 2012.
Os gastos cresceram a um ritmo de 13,1%, em vez dos 10,3% projetados -aplicada sobre montantes que superam os R$ 300 bilhões anuais, a diferença é grande.
A despeito dos sucessivos pacotes de desoneração tributária, as receitas da Previdência não têm se comportado mal, com alta de 11,5%; o governo, no entanto, contava com uma alta de 14,6%.
Mesmo com o evidente descompasso com os resultados do ano, a projeção oficial para o deficit só mereceu uma modesta revisão no mês de julho, quando foi elevada para R$ 36,2 bilhões. Em setembro, o valor foi elevado em exatos R$ 12 milhões.
SEGURO-DESEMPREGO
A estimativa errada que mais tem movimentado a área econômica nos últimos dias é a dos gastos com o seguro-desemprego, que crescem apesar de o mercado de trabalho mostrar indicadores historicamente favoráveis.
Acreditava-se que o seguro e o abono salarial, outro programa financiado pelo FAT (Fundo de Amparo ao Trabalhador), consumiriam R$ 40,3 bilhões no ano, pouco acima dos R$ 38,9 bilhões do ano passado.
No período de 12 meses encerrado em setembro, os dois programas já haviam desembolsado R$ 44 bilhões -naquele mês, a estimativa para o ano subiu para R$ 41,8 bilhões; neste mês, como o governo já adiantou, a conta irá a cerca de R$ 47 bilhões.
O governo acredita pelo menos desde 2011 que há abusos na concessão do benefício, mas nunca os gastos haviam se distanciado tanto das previsões. No ano passado, foi preciso ampliar as verbas do seguro-desemprego em R$ 1 bilhão.

O link : 


.

quarta-feira, 6 de novembro de 2013

Solano Trindade : Nem só de poesia vive o poeta








"Nem só de poesia
vive o poeta
há o "fim do mês"
o agasalho
 a farmácia
a pinga
o tempo ruim,
com chuva
alguém nos olhando
policialescamente.

De vez em quando
um pouco de poesia
uma conta atrasada
um cobrador exigente
um trabalho mal pago
uma fome
um discurso
à moda Ruy.

E às vezes uma mulher
fazendo carinho

Hoje a lua não é mais dos poetas

Hoje a lua é dos
astronautas."

Solano Trindade


.

terça-feira, 5 de novembro de 2013

Editorial de O GLOBO : Governo destrói um dos mais sólidos pilares da frágil estabilidade econômica brasileira, a Lei de Responsabilidade Fiscal, para reeleger Dilma, ajudar Haddad e eleger PayDrilha. Que vergonha !!! A História não vai perdoar esta irresponsabilidade.




Abaixo Charge do Piovan :
Dilma e a Inflação.





Não há esperança de que o mais recente e ruinoso ataque à Lei de Responsabilidade Fiscal possa ser contido — pelo menos no Congresso. Apresentada na forma de projeto de lei complementar, o de nº 238, a troca de indexador das dívidas estaduais e municipais federalizadas a partir do fim da década de 90, acompanhada da perigosa, e contrária à própria LRF, retroatividade dos efeitos da mudança, passou sem problemas pela Câmara, na penúltima semana de outubro, e receberá, é claro, o carimbo do Senado.
É da tradição pátria o apoio à gastança pública, mais ainda em período eleitoral. Não é uma alteração corriqueira, porque, ao permitir a retroatividade na aplicação do novo indexador — Selic ou IGP, o que estiver mais baixo, e juros de 4% —, na prática governo e Congresso avalizam a renegociação de uma dívida já renegociada, liberalidade proibida pela LRF.
Proibição necessária, pois, não se deve esquecer, a Lei de Responsabilidade Fiscal, de 2000, é parte crucial do processo de ajuste da economia, iniciado com o Plano Real em 1994, no governo Itamar Franco.
Vencida a hiperinflação, cujos efeitos eram dissimulados pela correção monetária — que acelerava ainda mais os preços, num círculo vicioso infernal —, passou a ser imprescindível ordenar o lado fiscal da economia, cujo desarranjo funcionava como motor de propulsão da própria hiperinflação. Eis o porquê da proibição de nova renegociação.
A lei é considerada sob medida para a prefeitura de São Paulo, controlada pelo PT, não só devido às precárias condições financeiras da cidade, mas pelo fato de a simples aplicação dos novos índices abater a dívida do município em aproximadamente R$ 16 bilhões.
Isso abre espaço para o prefeito Fernando Haddad endividar-se, encher os cofres e ser um cabo eleitoral de peso na luta do PT pelo Palácio dos Bandeirantes ano que vem.
Quanto ao princípio da responsabilidade fiscal, às favas com ele. Como mostrou reportagem de ontem do GLOBO, o projeto de desmonte da LRF é paulatino, se processa em etapas.
Duas delas: a partir de 2007, os repasses federais para obras do PAC em estados e municípios passaram a driblar a exigência da lei para que qualquer transferência deste tipo só seja realizada para ente federativo em dia com as contas; dentro da mesma visão, a Lei de Diretrizes Orçamentárias para o ano que vem, da eleição, estabelece que o certificado de “nada consta” de estados e municípios passa a ter a validade de 120 dias.
Toda esta implosão em câmera lenta da LRF esconde uma visão ideológica de condução da economia e da sociedade que prioriza o papel do Estado. Qualquer política dirigista, estatista, não convive bem com legislações disciplinadoras. Este é um projeto que vem sendo executado a partir do segundo governo Lula. No momento, queima etapas.

segunda-feira, 4 de novembro de 2013

Símbolos Falsos, Ricardo Noblat (excelente análise, como sempre).





Que país é este onde até outro dia o ex-senador Demóstenes Torres (DEM-GO) era o símbolo do respeito à ética na política; o bilionário Eike Batista, da rápida e espantosa ascensão empresarial; e a presidente Dilma Rousseff da gestora bem-sucedida?

O primeiro terminou cassado por envolvimento com um bicheiro e sua gangue; o segundo corre o risco de falir; e o terceiro de se reeleger no próximo ano.

Temos uma certa queda para acreditar em símbolos duvidosos. Demóstenes era capaz de, com a mesma naturalidade, falar com um ministro do Supremo Tribunal Federal sobre a constitucionalidade de uma nova lei em exame no Congresso para, na ligação seguinte, discutir com o bicheiro Carlinhos Cachoeira quanto lhe caberia num negócio irregular ainda em curso.

Há pouco mais de um ano Eike foi apresentado por Dilma como “o padrão” do empresário nacional, “a nossa expectativa” e, sobretudo, “o orgulho do Brasil quando se trata de um empresário do setor privado”.

Na época, empresas de Eike davam sinais de que iam mal. Nem por isso o BNDES e a Caixa Econômica rejeitaram pedidos do empresário por mais dinheiro. Agora, a falência está às portas.

Foi no final de 2005, em conversa com deputados nordestinos, que Lula falou pela primeira vez no nome de Dilma para sucedê-lo. Talvez até mesmo em 2006 se ele não conseguisse escapar do “mensalão”. Conseguiu.

Mas tão logo se reelegeu, Lula passou a exaltar as qualidades de Dilma como gestora e a preparar o caminho de sua candidatura em 2010.

No governo da gestora exemplar obras importantes estão paralisadas, outras se arrastam, ideias não saem do papel, assim como dinheiro liberado para aplicação não sai do Tesouro Nacional.

Oito entre dez empresários de grande porte concordam: como gestora, Dilma é uma pessoa simpática. Como simpática ela não é... O coração dos empresários bate forte por Lula e, à falta dele, por Eduardo Campos.

domingo, 3 de novembro de 2013

Albert Camus : a sabedoria aos 30 anos.





"Aos 30 anos,
um homem deveria ter-se nas mãos,
saber a conta exata dos seus defeitos
e de suas qualidades,
conhecer seu limite,
prever seu enfraquecimento -
ser o que ele é.

E, acima de tudo,
aceitá-los.

Estamos entrando no positivo:
tudo a fazer e
tudo a renunciar.

Instalar-se na naturalidade,
mas com sua máscara.

EXPERIMENTEI
COISAS SUFICIENTES
PARA PODER RENUNCIAR
A QUASE TUDO.


Resta um esforço prodigioso,
cotidiano,
obstinado.
O esforço do secreto,
sem esperança,
sem amargura.

Nada mais negar
já que tudo 
se pode afirmar."

Albert Camus,
Cadernos, 30 de julho de 1945.

.