segunda-feira, 31 de dezembro de 2012

Frase do ano de 2012. Ex-Presidente Lula : "I do not believe there was a mensalão " "O Mensalão nunca existiu."







Foi no dia 26 de agosto,
numa reportagem do jornal mais
famoso do mundo,
que deveria ter colocado a entrevista
na sessão de humor.

Do ex-presidente Lula :

" O mensalão nunca existiu."


"I do not believe there was a mensalão."


Prá quem duvidar,
o link da entrevista está abaixo :


domingo, 30 de dezembro de 2012

Gheorghiu homenageia Callas. Meu melhor CD lançamento de 2012.





"



A Diva atual, a romena Angela Gheorghiu,
e a Diva Eterna, Maria Callas,
reunidas digitalmente
com apresentações separadas por mais de 50 anos
foi um show de bola de tecnologia.

O CD que Gheorghiu homenageia Callas
foi o lançamento que mais me emocionou em 2012.
Os 20 dólares do preço
se pagam a cada audição.

Os 2 dólares que separam o belo libreto
da edição de luxo da edição normal,
devem ser desconsiderados.
As belas fotos da melhor edição são impagáveis.

A Habanera que as duas cantam aqui,
da ópera Carmen, de Bizet,
apesar de já vista milhares de vezes
nos dvds e blurays de Callas,
ainda me levanta da cadeira.

É uma ária que não exige muito vocalmente,
que qualquer homem ou mulher pode cantar bem.
Mas tem o encanto da paixão cigana,
que Bizet conseguiu na única ópera
que emplacou no gosto do público.

A melhor ária do disco é de La Wally.
Que Maria Callas imortalizou e
Gheorghiu reconstruiu sem o timbre de Maria,
mas com sua potência e beleza vocais…
e a ajuda da melhor tecnologia.

O CD de Carmen, com Magdalena Kozená,
Filarmônica de Berlin e 
regência de Sir Simon Rattle,
é considerado por muitos guias
como a Carmen da era moderna.

Que seja !!!



sábado, 29 de dezembro de 2012

Merce Cunningham








"A dança não lhe dá nada em troca.
Nem manuscritos para guardar,
nem quadros para pendurar nos museus,
nem poemas para imprimir.

Não lhe dá nada
a não ser a efêmera sensação
de estar vivo."

Merce Cunningham,
coréografo americano.

.

Escultura em bronze
FAIRIE DANCE
de Andrews deVries.

.

sexta-feira, 28 de dezembro de 2012

2012: o ano em que vivemos um Pibinho… e o humor impiedoso do Financial Times.



Financial Times deita e rola com o PIBINHO brasileiro. Chama Dilma de "Rena do nariz vermelho" e Mantega de "Elmo Vidente". Se você ainda não deu boas gargalhadas hoje, vá por mim e leia pelo menos este resumo da Folha de São Paulo. 

Humor britânico impiedoso, do melhor nível. ZC

O hilário já começa no nome da matéria :

"RUSSOLPH, a rena brasileira do nariz vermelho".

Link da página do Financial Times abaixo :

http://blogs.ft.com/beyond-brics/2012/12/24/roussolph-the-red-nosed-reindeer/#axzz2GGHlY5er


O link da Folha de São Paulo, com um ótimo resumo :

http://www1.folha.uol.com.br/mercado/1206833-jornal-britanico-financial-times-chama-dilma-de-rena-do-nariz-vermelho-do-natal.shtml


A matéria na Folha de São Paulo : 



Jornal britânico "Financial Times" chama Dilma de rena do nariz vermelho do Natal



O desempenho da economia brasileira foi satirizado no conto de Natal do blog beyondbrics, do jornal britânico "Financial Times", sobre os países emergentes.

Estrelando o bate-boca com o próprio Papai Noel, apareciam a presidente Dilma Rousseff, caracterizada como a rena do nariz vermelho, e o ministro Guido Mantega (Fazenda), como "Guido, o "elfo vidente".

No conto, o Papai Noel afirma que os personagens deste Natal são os mesmos de 2011, exceto pela mudança do representante da América Latina --sai Dilma e entra Enrique Peña Nieto, novo presidente do México-- e pelo novo líder chinês Xi Jinping.

"Você não pode me rebaixar!", protestou Dilma. "O que me diz sobre meu maravilhoso nariz vermelho?"
"É o seu nariz vermelho o problema. As crianças pensam que você é socialista. Quem confia em um socialista para trazer brinquedos?", responde o Papai Noel.
Indignada, Dilma lembra que o líder chinês é ainda pior por ser comunista.


Brasil estrela conto de Natal do blog beyondbrics, do "Financial Times", sobre emergentes


"Mas ele diz as coisas certas", retrucou Papai Noel, ao lado do chinês que clamava a "luta contra a corrupção".

Dilma retruca dizendo que seus "chifres" são os "sextos maiores" do mundo, quando é interrompida pelo premiê britânico David Cameron reivindicando a posição --o Brasil perderá o posto de sexta economia para a Inglaterra.

Então, a presidente brasileira explode: "Por que motivo meus chifres não crescem mais rapidamente?"
Nesse momento, entra o ministro Guido Mantega, caracterizado como o "Elfo vidente", garantindo que os chifres da presidente crescerão um metro em 2013.

Dilma cobra explicação sobre como chegou à previsão.
"Tive um estalo. Perguntei as previsões de todos os outros elfos e multipliquei por dois", respondeu Mantega.

"Oh, Guido, por que será que eu não te demito?"
"Não seria porque a revista 'Economist' pediu isso?", responde o ministro.


Eu :

No final todos os participantes do Bric cantam uma música.
Uma parte diz assim :

Roussolph the red-nosed reindeer,
Busy as a jumping bean.
Each time she saw a problem,
Thought the state should intervene.

"Roussolph, a rena do nariz vermelho,
Ocupada como um feijão saltitante.
Cada vez que ela vê uma problema
Pensa que o Estado deve intervir. "

.

quinta-feira, 27 de dezembro de 2012

Wayne LaPierre ganha troféu de "A idéia mais estúpida de 2012".






"Hey, Wayne LaPierre,
( presidente da infecta
Associação Nacional do Rifle ),
uma guarda armada em 
cada escola ?

Nós já tentamos isto.
Em uma escola chamada Columbine.

O nome do guarda era Neil Gardner.
Ele era um policial da cidade.

Parece que não adiantou muito,
não foi ? "


.

quarta-feira, 26 de dezembro de 2012

Jairo Goldflus, fotógrafo brasileiro.






"Odeio explicar fotografia.
A imagem tem que ser autoexplicativa,
mesmo porque, o que é relevante
para um, se torna banal para o outro.

Mas, em geral,
as fotos que faço de minha filha
são as que me dão mais orgulho."

Boa entrevista na revista digital e em papel MENSCH,
com o fotógrafo Jairo Goldflus.

Lançou recentemente o livro
"PÚBLICO "
que custa a bagatela de
250 reais.




terça-feira, 25 de dezembro de 2012

Charles Dickens, 1812-1870









"Ontem à noite
um pobre garoto 
cantou diante de minha porta
uma canção de Natal.

Desejaria 
ter-lhe
dado
um presente."



Charles Dickens,
1812-1870


.

Dona Canô









"No dia que eu vim-me embora.
Minha mãe chorava em ai.
Minha irmã chorava em ui.
E eu nem olhava prá trás.


No dia que eu vim-me embora.
Não teve nada mais."



Caetano Velloso



.

segunda-feira, 24 de dezembro de 2012

Ledo Ivo num epitáfio de João Cabral de Melo Neto








"Aqui repousa

Livre de todas as palavras


Ledo Ivo,

Poeta,

Na paz reencontrada

de antes de falar

E em silêncio, 

o silêncio

de quando as hélices

param no ar"



P.S.:

Este foi um poema epitáfio
que JCMN escreveu para
o amigo alagoano 
poeta Ledo Ivo,
10 anos antes de sua morte,
que só aconteceu
esta semana,
aos 88 anos.





domingo, 23 de dezembro de 2012

Antes do amor, Orlando Caetano







Agarra-te ao coração
afaga-o e aperta-o
como se fosse
uma toalha fresca.


Torce-o docemente
refresca com ele o corpo.

Deita-te depois
e estende-te 
sobre os desejos.


.

sábado, 22 de dezembro de 2012

Troféu ZERAYA 2012: Marco Maia…e os Maias.





A premiação anual do Troféu Zeraya
foi criada por este blog alguns anos atrás.

Honra a memória do ex-presidente
de Honduras, Manuel Zelaya,
que, eleito pela direita, 
mas seduzido pelas benesses do
Presidente Hugo Chávez,
virou esquerdista de carteirinha
e tentou mudar a Constituição
do seu país que proíbe 
reeleições presidenciais.

Enfrentou a Suprema Corte de Honduras
e acabou sendo expelido do cargo.

Conseguiu engajar a fleugmática
diplomacia brasileira numa comédia
digna dos 3 patetas e Irmãos Max,
com direito à entrada secreta na
Embaixada Brasileira.

Foi tudo tão ridículo
que até o valente Jornal do Commercio 
cansou de fazer manchetes com
"O golpe de estado hondurenho".

Certamente o primeiro golpe de estado
da História
dado pela Suprema Corte de um país.

Foi uma comédia impagável !!!

O deputado Marco Maia,
PT-RS,
um torneiro mecânico gaúcho,
elevado à presidência da Câmara
em Brasília,
também decidiu desafiar o STFederal.

Exatamente como um Don Quixote.
Só que às avessas.
Enquanto o nobre personagem
de Cervantes brigava para proteger
os pobres e humilhados,
o nosso torneiro decidiu
proteger os deputados 
condenados pelo mensalão.
Os delinquentes, digamos assim.

A idéia de abrigá-los na
Câmara para não serem presos,
provocou gargalhadas geral
e ligações de Hollywood
querendo contratá-lo como
roteirista de comédia pastelão.

Um primor !!!

Coitada da Civilização Maia,
que não conseguiu sequer prever
seu próprio fim,
também não acertou no fim do mundo.

Os filmes americanos já 
mostraram direitinho porque os Maias
não deram certo.
Sacrifícios humanos,
sangue demais...
Que doce !!!

P.S.:
O verbete Manuel Zelaya
na Wikipedia em português
parece escrito por algum diplomata
do Itamaraty ou algum
sindicalista desocupado.

É bem diferente dos verbetes
em outras línguas
e usa os mesmos cansados
e mentirosos argumentos,
tipo "golpe de estado"
e outras baboseiras.

Adoro Wikipedia,
mas só confio quando
confirmo os assuntos
em outras fontes.
Como neste caso...

.

sexta-feira, 21 de dezembro de 2012

Nelson Rodrigues, 100 anos de humor.








Um blogue como este,
 que se chama "frases",
não poderia terminar o ano 
sem honrar um dos maiores 
frasistas brasileiros.

Da estatura de Oscar Wilde 
e outros frasistas internacionais.

Você pode (e deve) 
não concordar com nada
 do que ele diz.
Mas não pode deixar 
de achar engraçado 
e inteligente o viés com
que ele vê os fatos.

"Aqui jaz Nelson Rodrigues
assassinado por imbecis
de ambos os sexos ."

"Nem todas as mulheres
gostam de apanhar.
Só as normais."

"O Fla-Flu não tem começo.
O Fla-Flu não tem fim.
O Fla-Flu começou
40 minutos antes do Nada.
E então as multidões
despertaram."

"A mulher só se salva
se for para o tanque.
Só o tanque
salva a mulher."


Impagável !!!
Honra e Glória
ao nosso Nelson.

.

quinta-feira, 20 de dezembro de 2012

Obama : personalidade do ano da Time, 2012. Alguém exagerou na vodka no comitê?







A revista Time escolheu,
pela segunda vez,
Barack Obama,
como a Personalidade do Ano.

Só mostra como 2012 foi um ano insosso.

Além de ganhar uma eleição tediosa
contra um adversário
pretencioso e sem idéias,
só fez se arrastar pelos
cantos das paredes
prá continuar com seu sorriso
contagiante e pouca decisão.

Obama é boa gente e
muito melhor do que seus 
adversários políticos trogloditas.
Mas está longe de ter feito
algum coisa excepcional em 2012.

Que ano sem 
Personalidades !!!!

Alguém no comitê da Time
(e do Nobel da Paz quando ele ganhou, 
mal tendo começado
a exercer o mandato)
exagerou na vodca ?

.



quarta-feira, 19 de dezembro de 2012

Victor Cruz homenageia Jack Pinto






Victor Cruz, camisa 80, 
do time de beisebol do
New York Giants,
soube que Jack Pinto, 6 anos,
uma das vítimas do massacre
de Sandy Hook
era seu grande fã.

Com autorização da família
de Jack, resolveu 
homenageá-lo colocando o nome
dele na luva e na chuteira,
no jogo deste fim de semana.

Comovente !




Jack com as "tatuagens "
do camisa 80.

.

terça-feira, 18 de dezembro de 2012

O amor não é …









O amor não é aquilo que ilumina o seu caminho.
O nome disso é candeeiro.

O amor não é aquilo que ultrapassa barreiras.
O nome disso é "gol" na marcação de um penaltie.

O amor não é aquilo que faz coisas que até Deus duvida.
O nome disso é Lady Gaga.

O amor não é aquilo que traça o seu destino.
O nome disso é GPS.

O amor não é aquilo que te dá forças para superar os obstáculos.
O nome disso é tração às quatro rodas.

O amor não é aquilo que mostra o que realmente existe dentro de você.
O nome disso é endoscopia.

O amor não é aquilo que atrai os opostos.
O nome disse é ímã.

O amor não é aquilo que dura para sempre.
O nome disso é Manuel de Oliveira.

O amor não é aquilo que te deixa sem fôlego.
O nome disso é asma.

O amor não é aquilo que não te deixa ver as coisas como elas são.
O nome disso é miopia.

O amor não é aquilo que faz os feios ficarem pessoas maravilhosas.
O nome disso é dinheiro.

O amor não é aquilo que o homem faz na cama e deixa a mulher louca.
O nome disso é esquecer a toalha molhada.

O amor não é aquilo que toca as pessoas lá no fundo.
O nome disso é exame da próstata.

O amor não é aquilo que faz a gente dizer coisas de que depois se arrepende.
O nome disso é Vodka.

O amor não é aquilo que te faz passar horas ao telefone.
O nome disso é promoção do Submarino ou das Americanas...

O amor não é aquilo que te deixa com água na boca.
O nome disso é copo de água.

Amor não é aquilo por que tu rezas para que não acabe.
O nome disso é férias.

O amor não é aquilo que entra na tua vida e muda tudo de lugar.
O nome disso é empregada nova.

O amor não é aquilo que te deixa meio pateta, rindo à toa.
O nome disso é excesso de álcool.

O amor não é aquilo que se cola em ti mas quando vai embora arranca lágrimas.
O nome disso é cera quente.

Aprendeu ?

segunda-feira, 17 de dezembro de 2012

Thomas Merton : marxismo e perspectivas monásticas. O vídeo do final da conferência.





Depois de ler esta conferência centenas de vezes, 
nunca imaginei que existia
 um vídeo de parte dela.
Um documento precioso.

Não tenho como discordar 
de que Thomas Merton foi 
"o homem mais acordado do século XX".

Alguns temas ficam um pouco 
truncados neste vídeo.

Quando ele diz que se existe 
uma frase a levar da palestra que é 
"Agora é cada um por si".

Ela vem dentro de uma história que ele conta.
De um monge fugindo do comunismo 
do Tibete com uma imensa bagagem 
pede ajuda ao Superior.
E este manda uma mensagem 
enigmática mas cheia de significado:
"De agora em diante, cada qual depende de si próprio."

Dia 10 de dezembro fez 44 anos que Merton morreu em Bancoc, Tailândia, minutos depois de terminar esta conferência e se retirar para o seu quarto para a sesta.

Numa coincidência premonitória,
Merton termina a palestra com uma das suas tiradas:
" Aqui eu desaparecerei ! "
"Here I will disapear ! "

Havia um ventilador 
com um fio desencapado 
e ele foi eletrocutado 
e depois encontrado com 
o ventilador ainda girando sobre seu peito.

O pensamento de Merton é 
um dos mais importantes da minha vida.

Obrigado à 
Sociedade dos Amigos Fraternos de Thomas Merton, 
Rio de Janeiro.
Quem quiser pode ir ao blog deles e se cadastrar e receber notícias de Merton por email,etc.


.

domingo, 16 de dezembro de 2012

Newtown, CT. O horror ! O horror !



As vítimas :







Emile Parker, 6 anos.



Anna Marquez-Greene, 6 anos.


Noah Pozner, 6 anos.




O horror ! O horror !

Joseph Conrad.




Das 20 crianças assassinadas


em Newtow, CT, 

16 tinham 6 anos 

e 4 tinham 7 anos.






Devastador !!!



.

sábado, 15 de dezembro de 2012









"O maior bem
 que uma pessoa 
pode fazer a outra 
não é somente dividir 
as próprias riquezas,
mas fazê-la ver 
as suas próprias riquezas."



"The greatest good
you can do for another
is not just share your riches,
but to reveal
to him his own. "


.

sexta-feira, 14 de dezembro de 2012

A sombra do morcego, Ângelo Monteiro









Ângelo Monteiro
a.jmonteiro7@gmail.com


Barbudo e saltitante como um Papai Noel que só tivesse presentes para si mesmo, as pessoas e as coisas unicamente lhe servem de plateia para as piruetas do seu espetáculo interminável, já que não cultiva outro interesse para além da transparência das vitrines em que se expõe, com frequência, diante dos seus contumazes ou circunstantes espectadores.

Por isso não dispõe nunca de tempo e oportunidade para sequer pensar no destino dos seus contemporâneos mais próximos, de uma vez que cada um dos seus possíveis interlocutores não passa de mero acidente de carreira ao longo da espetacular corrida até ao pódio do sucesso a qualquer preço. 

Muitos hão de estranhar, certamente, por não se achar em face de um jogador em defesa do seu time, nem de um ator de cinema ou de televisão atrás dos conhecidos refletores e, sim, de um autor de ficção que, em lugar de concentrar-se nas ideias obsessivas dos seus personagens, mostra-se bem mais preocupado, por meio de múltiplos papéis midiáticos, com os resultados imediatos de uma exibição pessoal, como se dela dependesse o destino não apenas daqueles mas do próprio autor. E, como se o autor, e não os personagens, fosse o objetivo real da sua ficção.

Em qualquer lugar, portanto, que encontrem o nosso autor, ele dará sempre a impressão de estar administrando algo, que vai desde a presumível glória à atmosfera constantemente esvoaçante em que costuma bailar ou simplesmente circular. 

Como bom morcego o que lhe falta em visão da realidade  pois só consegue enxergar a si próprio – lhe sobra em poderosas antenas, ligadíssimas principalmente em captar as movimentadas cotações do mercado literário, de preferência voltada para as esfuziantes e vazias novidades de que se alimenta.

Daí a ficção do nosso autor se reduzir a um estuário de desencontradas vozes, menos individuais que coletivas, que de há muito entraram em desacordo com os restos ainda arquejantes dos apelos pessoais. Porque ela, em vez de cenário em que se encarnam os encontros e desencontros dos homens, se tornou, ao contrário, no local de exposição permanente do seu autor, que é em verdade o personagem principal, embora separado por completo dos dramas que se desenrolaram um dia a partir do seu projeto originário tanto de vida quanto de ficção. E, agora, quando muito travestido na figura de um narrador, nosso autor se converte, ao assumir tal personagem, no princípio e no fim de toda representação.


Ângelo Monteiro é ensaísta

EU :

O poete recifense Angelo Monteiro publicou ontem no caderno de opinião do JC o mais enigmático artigo de 2012.

Não tenho a menor idéia de sobre quem ele está falando.
E, se tivesse, não iria dizer a vocês.

Desde o J 'Accuse, de Émile Zola, em 1898,  que não via um libelo tão desencanado.

quinta-feira, 13 de dezembro de 2012

George Harrison x Ravi Shankar : as influências indianas no cd The WonderWall.









(clique na foto acima para ouvir o cd inteiro)


Sob influência da música indiana, George Harrison fez este fantástico cd em 1968.

Grande amigo e admirador de Ravi Shankar que morreu ontem em San Diego, CA, aos 92.







No caso do Youtube cortar os links dos blogs,
o link direto abaixo :



.


quarta-feira, 12 de dezembro de 2012

Moscas : humor.









Callou foi ao banheiro do único restaurante 
da cidade de Remanso, Bahia,
cujo dono se chama Revestrés.

Impossível !
Milhões de moscas.

- Seu Revestrés,
o senhor já viu como o banheiro 
está cheio de moscas ? 
-Ah! Doutor, desculpe.
O senhor foi na hora errada.

Se deixar prá ir 
ao banheiro na hora do almoço
as moscas vão estar todas aqui,
no restaurante. !!!


P.S. :
Contada por Joca Souza Leão,
no DP de 20.10.2012,
e recontada aqui.


.

terça-feira, 11 de dezembro de 2012

Ana Moura, Despiu a saudade











Despiu a saudade depois do jantar
num prato já frio de tanto esperar
aquele que bebe nos tascos da vida
rodados de amantes de tara perdida
e chega tão cheio de nada p'ra dar

Sacudiu o pó desse amor primeiro
num canto guardado do seu coração
aquele retrato parado no tempo
que morde por fora, magoa por dentro
num corpo vazio de tanta ilusão

Mas de repente como um sol depois da chuva
surgiu a noite transformada em alvorada
vai para o espelho faz-se bonita
lábios vermelhos corpo de chita
vestido na pressa de quem sai já atrasada

Brilho nos olhos ar de menina
livre e a rir de tresloucada
salta p'rá lua na minha rua
na madrugada

Trago o coração à flor da boca
e a sina escrita na palma da mão
foram tantos anos sem imaginar
o dia sonhado da noite mais louca
nas ruas da vida com ela a dançar

Despiu a saudade
sacudiu o pó.



link direto no youtube :


.

segunda-feira, 10 de dezembro de 2012

Violeta (Parra) foi para o céu, trailer legendado.






Violeta Parra,
1917 - 1967,
foi a mais importante cantora e compositora chilena.

Quem tivesse escrito
canções seminais como
"Gracias a la vida",
"Casamiento de los negros" e
"Volver a los 17"
já estaria em todos
os compêndios musicais.

Profundamente engajada na luta pelo social
("sem a minha comissão, como
virou moda no esquerdismo
delinquente brasileiro").

Fez versos pungentes como :
"OS FAMINTOS PEDEM PÃO;
CHUMBO LHES DÁ A POLÍCIA."

Fez a cabeça de minha geração
nos anos 70.

.